Damião Ramos Cavalcanti

Enquanto poeta morrer, a poesia haverá de viver

Textos
Título Categoria Data Leituras
MAXIXE LEMBRA QUIABO Crônicas 30/11/17 80
As águas do rio Tahuá Crônicas 24/11/17 167
Nas escolas, tempo e cores Crônicas 18/11/17 161
Coisas íntimas, coisas públicas Crônicas 08/11/17 265
Homenagens aos finados Crônicas 02/11/17 101
Nojo de noticiário Crônicas 27/10/17 171
Pátria estuprada Crônicas 19/10/17 258
Armadas e armados desarmados Crônicas 13/10/17 160
Arma contra arma Crônicas 06/10/17 156
No deserto, desejos, amor e sofrimento Crônicas 01/10/17 137
Walter Correia Brito Crônicas 23/09/17 425
O mar, o porto, o livro e o autor Crônicas 20/09/17 52
Museu que é casa Crônicas 15/09/17 156
Confundem-se independência e dependência Crônicas 08/09/17 114
Dom José beija nossa terra Crônicas 29/08/17 259
Um Ministro suspeito e as águas em Boqueirão Crônicas 23/08/17 132
A velocidade da linguagem troglodita Crônicas 16/08/17 148
Das paternidades de Virginius Crônicas 12/08/17 146
Existir mais do que viver? Crônicas 03/08/17 155
Ronaldo Nunes Mendonça Crônicas 28/07/17 291
Página 6 de 35 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » [«anterior] [próxima»]
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
http://www.drc.recantodasletras.com.br/index.php